Marketing Analytics: O que é e por que é importante

Atualizado: 22 de jun.

Entenda porque fazer a implementação do Marketing Analytics nos negócios da sua empresa e saiba porque esse é um excelente investimento.

Em geral, o marketing costuma ser visto como um ramo criativo dentro das empresas. Através dele são criadas campanhas que aumentam a visibilidade das marcas nas ruas e chamam a atenção do público. No entanto, existe uma área do marketing que nem sempre aparece tanto, mas possui um papel fundamental nas estratégias: o Marketing Analytics.


Essa área mais analítica do marketing permite criar estratégias mais eficientes e precisas orientadas por dados (Data Driven). Todas as decisões, criatividade e campanhas devem ser baseadas em análises de desempenho para que a empresa se mantenha no caminho certo.

Seja para a elaboração de alguma campanha nova, seja para desenvolver todo o plano de marketing, com o auxílio do Marketing Analytics, a empresa pode fazer uso de dados para alcançar melhores resultados e se destacar no mercado.



O que é Marketing Analytics?


Marketing Analytics é uma área do marketing que trabalha coletando e analisando dados para identificar padrões, tomar as melhores decisões e avaliar estratégias dentro da empresa. É a área que se aprofunda nos dados para compreender quais foram os resultados alcançados, se a empresa está na direção certa e quais as melhores tendências presentes no mercado.

O Marketing Analytics está intimamente conectado ao fenômeno do Big Data, que explica a explosão de dados no mundo digital. Atualmente, as empresas têm infinitos dados à disposição sobre o mercado que atua, seus consumidores e concorrentes e seu desempenho. Afinal, praticamente tudo pode ser monitorado, rastreado e armazenado nos dias de hoje.


Além da relação com o chamado Big Data, falar de Marketing Analytics também nos remete a tecnologias como BI – Inteligência Empresarial (do inglês Business Intelligence) e Data Analytics (análise de Dados) sendo que ambas são sinônimos de conversão dos dados em inteligência para tomar melhores decisões na gestão de qualquer setor ou organização.

Ainda é necessário citar que o Marketing Analytics abrange web analytics e digital analytics. No entanto, não tem a mesma função, uma vez que todos os conceitos usam a análise de dados para melhorar o desempenho de um negócio e estar pronto para o futuro.

Leia também: Vendas Digitais: Como não ficar para trás na Transformação Digital



Por que é tão importante para as empresas?


Com o decorrer dos anos e o surgimento de novas áreas de marketing, as empresas buscaram investir em tecnologias para dar conta de tantas novidades e se manterem atualizadas no mercado. No entanto, os dados gerados por essas tecnologias nem sempre são suficientes para alcançar os melhores resultados para os negócios.

Por isso, o Marketing Analytics é muito importante. Com ele, é possível utilizar os dados coletados para criar novas estratégias e análises que auxiliam no desempenho da empresa. Todos os esforços feitos por tecnologias se tornam úteis para a tomada de decisões importantes dentro da organização.


7 motivos para trabalhar o Marketing Analytics


Em um mundo cada vez mais competitivo e complexo, o Marketing Analytics é um grande diferencial. As etapas de compra se tornaram mais caóticas, os clientes estão mais exigentes, os concorrentes mais atentos e os recursos mais escassos.


Nesse contexto, qualquer negócio que souber se utilizar dos dados para compreender esse cenário complexo saberá aproveitar as melhores oportunidades.

Confira abaixo alguns benefícios do Marketing Analytics que podem ajudar a sua empresa a estar à frente dos concorrentes:


1. Conhecimento dos clientes

O rastreamento, coleta e disposição das informações formam uma rede que possibilita encontrar padrões e hábitos comuns entre os consumidores. Isso não ajuda apenas a identificar o público, mas também a entender mais sobre precisões e buscas. Por isso, o conhecimento do cliente tem que estar em primeiro lugar nas vantagens do Marketing Analytics.


2. Precisão no monitoramento de estratégias

Em segundo lugar, sempre é bom lembrar que o marketing é focado nas pessoas (ou personas). Sendo assim, é necessário um bom monitoramento, quem sabe uma análise diária, para averiguar se as estratégias estão se direcionando às pessoas certas e alinhada aos objetivos do negócio.


3. Aumento da expectativa de tendências

O Marketing Analytics serve também para inserir a variável “opinião do mercado” nas análises organizacionais. Essa é uma maneira de entender as expectativas futuras do segmento de atuação da empresa. Ou seja, é possível compreender o que está por vir com base em dados. Um campo mais técnico para este processo reside no chamado Machine Learning (ou aprendizado de máquina) tecnologia que permite desenvolver análises preditivas ou de tendências no futuro com base em comportamentos passados.


4. Acompanhamento dos concorrentes

Esse ramo do marketing não observa apenas o lado de dentro da empresa. Com a coleta de informações e dados sobre seus concorrentes, é possível perceber o que eles estão realizando, as estratégias que estão funcionando para eles e como se preparar corretamente para enfrentá-los.


5. Quantifica o ROI das estratégias de marketing

Uma das principais mensurações que é possível fazer é em relação ao Retorno sobre os Investimentos (ROI) em campanhas, principalmente as do mundo digital. Desse modo, é possível avaliar o real impacto e resultados das campanhas e estratégias da empresa e focar em otimizar o retorno financeiro e comercial.


6. Mantém o foco nos objetivos da empresa

Ao fazer a avaliação do desempenho das estratégias a intenção é certificar que elas estão no caminho certo dos objetivos propostos pela empresa. Assim, utilizar o Marketing Analytics é uma maneira de manter a equipe sempre alinhada com as metas e objetivos do negócio.


7. Entender o comportamento do consumidor

O Marketing Analytics também auxilia a conhecer melhor o consumidor. É possível coletar informações sobre o perfil dos clientes em diversos canais, sobre como as pessoas se comportam e como reagem às suas estratégias e campanhas. Desse modo, cria-se uma persona mais realista e é possível idealizar as melhores estratégias para ela.

Leia também: Le biscuit contrata Falqon implementa analytics e acelera transformação digital


Quais as principais ferramentas do Marketing Analytics?


O uso de ferramentas não é obrigatório, mas elas ajudam a otimizar o Marketing Analytics. Por isso, é fundamental saber quais são as principais ferramentas que podem te ajudar.

O Google Analytics é a plataforma mais conhecida atualmente por ser muito robusta, mesmo na versão gratuita. Mas, além dessa ferramenta, existem outras que também ajudam na análise de desempenho das estratégias. Confira algumas abaixo:

  • Web Analytics: Google Analytics, Facebook Analytics e Adobe Analytics

  • Análise de comportamento: Hotjar

  • Testes e otimização: Google Optmize

  • SEO: Google Search Console

  • Redes Sociais: Facebook Insights e Social Bakers

  • E-mail Marketing: GetResponse

  • CRM: Salesforce, Hubspot e RD Station

  • Análise de concorrentes: SEMrush

  • Visualização de dados: Microsoft PowerBI, Tableau, Qlik e Google Data Studio

Com o apoio de estratégias de Marketing Analytics e algumas soluções digitais, é possível alcançar resultados excelentes. A partir do momento em que os departamentos de marketing, vendas, compras, e-commerce, administrativo e operações passam a fazer o bom uso dos dados, fica mais que claro que se trata de um ótimo investimento.

A Falqon possui 10 anos de experiência com mais de 200 projetos de tecnologia da informação para o chamado Big Data & Analytics. Segmento este que engloba tecnologias de DW – Data Warehouse, BI - Business Intelligence, Data Analytics, Data Science e Web Analytics. Nossa trajetória permite defender a tese de que qualquer empresa para se manter competitiva deve atuar no chamado modo Data Driven, ou seja, orientado por dados. E assim conhecer bem seu mercado, seus clientes e assim atingirem os objetivos almejados.


Entre em contato e descubra como podemos te ajudar!


Por Félix Muniz, CEO - Falqon Especialista em Estratégia e Gestão para Negócios de Tecnologia; Startupeiro e Empreendedor.